Políticia

Cat-2

Paraíba

Brasil

» » Prefeito que estava foragido toma posse e é preso logo após cerimônia















O prefeito eleito de Ilha Solteira (SP), Edson Gomes (PP), foi preso na manhã desta terça-feira (28), logo depois de tomar posse. Gomes apareceu na cidade pela manhã e foi para a Câmara de Vereadores, mas, como estava foragido da polícia, já que tinha um mandado de prisão expedido contra ele, acabou sendo preso logo depois. Neste período, quem comandou a cidade foi o presidente da Câmara.
Segundo o delegado Miguel Ângelo Micas, os advogados de Edson Gomes sugeriram um acordo para que ele se entregasse se pudesse tomar posse. “O advogado nos procurou, a Polícia Civil, e propôs que se entregasse, espontaneamente, desde que pudesse tomar posse. Como foi verificada a legalidade dele tomar posse, então foi aceito e o advogado entregou aos policiais”, afirma o delegado.
O prefeito foi levado da Câmara para a carceragem da delegacia de Ilha Solteira, logo após uma rápida cerimônia de posse. Edson Gomes, em entrevista para a TV TEM, disse que não estava em Ilha Solteira neste tempo e nega qualquer irregularidade. “Não praticamos atos ilícitos nenhum na administração anterior. Tenho processos criminais na comarca de Ilha Solteira, mas com o tempo no Tribunal de Justiça, de São Paulo, acredito na Justiça, vamos recorrer para Brasília. Estamos confiantes no resultado, os advogados estão trabalhando, estamos confiantes”, afirma.
Mesmo tendo sido preso, Edson Gomes continua sendo prefeito. Ele deve ser levado para a cadeia de Pereira Barreto (SP) e, como tem nível superior, será levado para outra cadeia no Estado com cela especial.
O caso
Como estava foragido da polícia, Edson Gomes não compareceu a diplomação do cargo e nem na cerimônia para tomar posse. Na ocasião, quem tomou posse foi o vice-prefeito, Otávio Gomes, que é filho de Edson.
Edson Gomes estava foragido da Justiça desde novembro do ano passado. Ele é acusado de fraudar licitações para realização de eventos na cidade entre 2009 e 2012, quando era prefeito. Segundo o Ministério Público, mais de R$ 1 milhão teriam sido desviados dos cofres da prefeitura.
G1 

«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Sobre Jacy Mendonça

Filho de Santa Rita, radialista do programa Jornal 100.5 Notícias na 100.5 FM.

Nenhum comentário

Leave a Reply

Caderno de Esporte

Entretenimento

Mundo

Cat-5

Cat-6